Foto: Reprodução.
/////

Anvisa determina recolhimento de lotes de Losartana; veja o que fazer 

Começar

Nesta quinta-feira, 23, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou o recolhimento e a interdição de diversos lotes de vários fabricantes do medicamento Losartana, que é muito utilizado para tratar pressão alta. A medida foi publicada no Diário Oficial da União (DOU).

Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou o recolhimento dos remédios. Foto: Reprodução.

Segundo a Anvisa, a ação é uma “medida preventiva”, e que vem sendo implementada desde a descoberta de impurezas em medicamentos da classe das “sartanas”.  A mesma restrição ocorre desde 2019.

Desta vez, a agência encontrou a impureza “azido”, uma substância que pode causar mutações, em uma concentração acima do limite de segurança aceitável nos remédios.

RECOMENDAÇÕES

A agência recomendou que os pacientes que fazem uso do medicamento não devem parar de tomar, uma vez que a medida é preventiva. Além disso, em caso de dúvidas ou necessidade de orientação médica, o paciente deve conversar com seu médico. “A hipertensão e insuficiência cardíaca exigem acompanhamento constante e qualquer alteração no tratamento deve ser feita somente pelo médico que acompanha o paciente. Deixar de tomar o medicamento pode trazer riscos para a saúde do paciente”, reforçou a Anvisa.

DÚVIDAS

1 – COMO VER SE O MEU REMÉDIO CONSTA ENTRE OS RECOLHIDOS? 

Você pode conferir o fabricante e o número do lote do seu medicamento nesta lista, disponibilizada pela Anvisa. A lista é extensa e inclui remédios de oito laboratórios: Aché, Biolab Sanus, Brainfarma, Cimed, Eurofarma, Geolab, Teuto e Prati, Donaduzzi & Cia. 

2 – O QUE FAZER SE MEU REMÉDIO ESTIVER ENTRE OS RECOLHIDOS?

Nesses casos, a Anvisa orienta que o tratamento deve ser seguido e, qualquer necessidade de orientação, o paciente deve procurar um médico.

3 – DEVO CONTINUAR TOMANDO O MEU REMÉDIO?

Sim. A Anvisa reforça que os pacientes que fazem uso da losartana devem continuar utilizando o seu medicamento, ainda que estejam usando um dos lotes afetados, uma vez que deixar de tomar o remédio pode trazer riscos para a saúde do paciente.

4 – COMO EU FAÇO PARA TROCAR A MINHA LOSARTANA?

De acordo com as orientações da Anvisa, depois que você falar com o seu médico e, caso essa seja a determinação dele, você deve entrar em contato com o Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC) do laboratório que fabrica a sua losartana para se informar sobre a troca.

Veja as orientações e a lista completa divulgada pela Anvisa aqui.

Deixe sua resposta

Your email address will not be published.

Fechar AD