//

BT Pet | Saiba tudo sobre a “lágrima ácida”, alteração que se manifesta próximo aos olhos dos pets

Começar

Tutores de pets de pelagem clara muitas vezes se queixam de uma condição conhecida popularmente como “lágrima ácida”. O nome técnico dessa alteração, na verdade, é cromodacriorreia e consiste na pigmentação dos pelos diante da presença de substâncias associadas ao ferro, como a lactoferrina. Ela, inclusive, está presente na saliva, por isso alguns bichinhos ficam com os pelos manchados nas extremidades das patas ao se lamberem muito.

Cromodacriorreia e consiste na pigmentação dos pelos. Foto: Reprodução

Apesar do nome popular, o pH lacrimal está longe de ser ácido. Essas manchas se formam pelo processo de oxidação da lágrima, ou seja, quando ela entra em contato com o ar. A lágrima funciona como um filme protetor dos olhos, ajudando na lubrificação e na expulsão de pequenas estruturas que ali possam cair.

Contudo, o extravasamento da lágrima pode estar associado a outras questões, como aumento na sua produção, obstrução (total ou parcial) dos ductos lacrimais, inflamação ocular, lesões na córnea, entre outros.

Essas manchas se formam pelo processo de oxidação da lágrima. Foto: Reprodução

Há formas de amenizar a formação das manchas na pelagem do pet, como o uso de lenços umedecidos específicos para higienização local, bem como a utilização de soluções de limpeza voltados para esse tipo de condição.

Ajustes na dieta também podem contribuir nesse processo, como a alimentação natural. Aqui vale ressaltar que uma dieta natural deve ser montada de forma individualizada, ou seja, voltada para as necessidades daquele paciente e sob acompanhamento de um profissional especializado na área de nutrição animal.

Ajustes na dieta também podem contribuir. Foto: Reprodução

De todo modo, o bichinho que apresente “lágrima ácida” deve ser avaliado de forma mais minuciosa por um médico veterinário (de preferência, especializado em oftalmologia), a fim de determinar a causa-base e assim, resolver o problema. Por vezes, a correção se dá apenas por meio de intervenção cirúrgica, a depender da origem do distúrbio. Por isso a avaliação profissional se faz tão importante.

Deixe sua resposta

Your email address will not be published.

Fechar AD