Foto: Reprodução.
////

Com mais de 180 mil empregos gerados, veja como a indústria paraense fortalece a economia local

Começar

A indústria paraense é uma das que mais crescem no Brasil. E é um dos setores que têm a maior participação na arrecadação do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) do Pará, com índice de  41,4%. Toda essa contribuição pode ser investida em melhorias pelo poder público dentro do próprio estado, como escolas, hospitais, praças.

Além disso, são quase 180 mil empregos gerados em todo o estado, com a melhor média salarial entre todos os setores. Isso rende, em média, cerca de três bilhões e quatrocentos milhões de reais pagos em salários por ano. O que ajuda a fortalecer a economia do estado e faz o dinheiro girar.

Indústria paraense segue em crescimento. Foto: Reprodução.

Esses números representam só alguns dos motivos que fazem o produto paraense ter muito mais valor. Entretanto, na prática, a importância de dar mais valor ao nosso produto local pode ser avaliado de muitas outras formas. Olha só!

  • FORTALECIMENTO DA CULTURA LOCAL:

Aqui no Pará, uma das marcas sociais mais fortes que temos é a nossa cultura. E aqui, por cultura, você pode pensar nas nossas danças, nossas músicas, nossos contos, nosso artesanato e, principalmente, na nossa famosa culinária. Por isso, cada vez que você opta por consumir um produto local, você está, automaticamente, investindo no cenário paraense e fazendo a nossa cultura ser cada vez mais compartilhada.

Açaí gera empregos por todo o estado. Foto: Reprodução.

Um exemplo disso é o açaí paraense. Com fornecedores e produtores locais, o produto é um dos mais importantes da cadeia alimentícia e da indústria paraense. O consumo do produto gera renda para milhares de famílias paraenses, que veem no fruto uma forma de se estabelecer.

  • CONTRIBUIÇÃO PARA A ECONOMIA LOCAL:

Quando você escolhe investir o seu dinheiro em um produto local, como artesanato, cachaça, jóias, você está investindo o seu dinheiro no estado. Isto porque esses produtos regionais, geralmente, contam com fornecedores locais. Isso significa que o investimento vai continuar girando dentro do estado e o retorno, como o ICMS que comentamos anteriormente, vai ser em melhorias para os paraenses.

Cachaças e cervejas artesanais fortalecem a cultura do Pará. Foto:Reprodução.

Um outro exemplo disso são as cervejas regionais ou a nossa famosa cachaça de jambu. Com produção feita 100% no Pará, esses produtos geram milhares de empregos e abrem as portas para maiores investimentos no setor.

  • PODE ATÉ SER MAIS BARATO:

Uma das maiores vantagens de consumir o produto local é que o custo dele é, quase sempre, menor. Além disso, os impostos sobre esses produtos e os gastos na produção deles, como transporte e embalagens, também são menores. 

O investimento em produtos locais gera retorno social. Foto: Reprodução.

Os produtos alimentícios produzidos no estado são capazes de produzir inúmeros empregos dentro da indústria paraense. Entre biscoitos, sorvetes, doces, entre outros, são diversos empregos ofertados e famílias envolvidas, desde a colheita da matéria prima até a entrega do produto final para o consumidor.

Deixe sua resposta

Your email address will not be published.

Fechar AD