//

Emprego dos sonhos: vereadores da CMB seguem em recesso desde 15 de dezembro

4 minutos lidos

Às vezes tudo o que o trabalhador quer é um folguinha, né? Talvez só pra ficar em casa, ou pra ir ao supermercado, ao banco, ao médico. Agora imagina ter dois meses de recesso e logo no fim de ano? E voltando só depois do carnaval? Parece um sonho, né?

Anúncios

Pois é, mas para alguns essa é a realidade. Quem diria que o ano para os vereadores de Belém só começa mesmo depois do carnaval, hein? Vem cá entender essa história!

A Câmara Municipal de Belém entrou em recesso de fim de ano no dia 15 de dezembro de 2023 e segue assim desde então. Isso mesmo! De acordo com o calendário oficial do órgão, as sessões ordinárias na CMB voltam no próximo dia 15 de fevereiro, quando completam dois meses de recesso.

A nível de comparação, o BT procurou saber sobre o trabalho em Câmaras de outras capitais brasileiras, como: Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Salvador e Curitiba.

  • Rio de Janeiro: volta no dia 15 de fevereiro;
  • São Paulo: voltou ontem, 01 de fevereiro;
  • Belo Horizonte: voltou ontem, 01 de fevereiro;
  • Salvador: voltou hoje, 02 de fevereiro;
  • Curitiba: volta na próxima segunda, 05 de fevereiro.

E O SALÁRIO, Ó…

Então, esse aí é outro ponto relevante. Atualmente, um vereador da Câmara Municipal de Belém recebe mais de R$ 15 mil por mês. Isso sem contar qualquer tipo de benefícios ou bonificações que possam existir.

Anúncios

Inclusive, em dezembro de 2022, o veto que proibia o aumento de salário de vereadores foi derrubado após votação realizada na casa. Segundo o projeto de 2020, os salários de Prefeito, Vice-Prefeito, Secretários Municipais e Vereadores em legislatura de 2021 a 2024 teria um reajuste de quase quatro mil reais, à época. Sendo assim, os vereadores passariam a receber R$ 18.999,19, enquanto prefeito e vice-prefeito teriam vencimentos de R$25,3 mil e R$24,5 mil, respectivamente. Por fim, os secretários municipais teriam salário de R$18 mil mensais.

Na ocasião, foram 28 votos favoráveis à derrubada do veto, ou seja, a favor do aumento dos salários, enquanto um foi a favor de manter a proibição. Houve três abstenções.

RELEMBRE:

Anúncios

O QUE DIZ A CMB?

Em nota, a assessoria da Câmara afirmou que, devido a reforma que acontece no prédio da CMB, as atividades estão acontecendo normalmente dentro da Assembleia Legislativa do Pará (Alepa). Entretanto, a ascom confirmou que as sessões ordinárias, aquelas que os vereadores precisam estar presentes, só voltam mesmo dia 15 de fevereiro. Confira a nota na íntegra:

“A Câmara Municipal de Belém está passando por uma reforma geral. Neste momento nosso plenário está em obras. Estávamos articulando um local para o retorno das Sessões. Conseguimos na ALEPA, a partir de uma parceria com Presidente, Deputado Estadual Chicão. As atividades da Câmara de Belém estão normais, os setores estão funcionando diariamente. Essa reforma vai trazer mais comodidade e qualidade no atendimento da população.”

Anúncios

Deixe sua resposta

Your email address will not be published.

Anúncios