//

Militar suspeito de participar de plano golpista volta ao Brasil e é preso pela PF

1 min de leitura

Vindo dos Estados Unidos, o coronel Bernardo Romão Correa Neto desembarcou em Brasília no início da madrugada deste domingo, 11, e foi preso por agentes da Polícia Federal ainda no aeroporto. Alvo de um mandado de prisão preventiva decretado pelo ministro Alexandre de Moraes, ele teve três passaportes (um deles diplomático) e um celular apreendidos.

Anúncios

Após os primeiros procedimentos realizados pela PF, ele foi entregue à Polícia do Exército para ficar sob custódia da instituição no Batalhão da Guarda Presidencial, em Brasília.

Correa Neto é investigado pela Polícia Federal por suposto envolvimento nos crimes de tentativa de golpe de Estado e de abolição do Estado democrático de direito.

Deixe sua resposta

Your email address will not be published.

Anúncios