///

Polícia investiga assassinato de Jorge Moraes; artista foi morto dentro da própria casa em Belém

Artista estava na frente de casa, na rua dos Parquis, esquina com Monte Alegre, quando dois homens chegaram de motocicleta e efetuaram os disparos.

Começar

Na tarde da última quinta-feira, 4, o cantor paraense, Josenilton Cunha Pestana, conhecido na música como Jorge Moraes, foi assassinado na frente de casa, no bairro do Jurunas em Belém, por volta de 17h30 da tarde. De acordo com os vizinhos que ouviram os disparos, dois homens chegaram em um carro cinza e um deles efetuou os disparos em direção à vítima. Ele tinha 38 anos.

O músico era muito conhecido no bairro e na capital paraense pelas suas músicas de brega, além de apresentações em casas de show e de dança. Jorge também vazia muitas viagens para se apresentar em municípios paraenses e outros estados do país.

Populares e curiosos cercaram a casa do cantor no local onde o crime aconteceu. Imagem: Reprodução.

INVESTIGAÇÕES

A Polícia Civil, através da Divisão de Homicídios (DH) instaurou investigação sobre a morte e trabalha com duas hipóteses: crime passional ou algum tipo de dívida que o cantor pudesse ter. O celular da vítima está com a polícia para a checagem de possíveis pistas. Além disso, no local do crime, investigadores colhem informações com familiares e vizinhos próximos. A PC disse que Jorge não vinha sofrendo ameaças e finaliza dizendo que diligências estão sendo feitas para encontrar os autores e descobrir a motivação da morte.

Deixe sua resposta

Your email address will not be published.

Fechar AD