Foto: Reprodução.
//////

Regina Duarte perde recurso e precisa devolver R$ 319 mil da Lei Rouanet

Começar

Nesta quinta-feira, 21, foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) a reprovação da prestação de contas de “Coração Bazar”, projeto cultural da atriz e ex-secretária da Cultura do governo Bolsonaro, Regina Duarte, que foi financiado pela Lei Rouanet.

Regina Duarte e o presidente Jair Bolsonaro. Foto: Carolina Antunes/PR/

A reprovação aconteceu em março de 2018, mas a companhia “A Vida é Sonho Produções Artísticas Ltda”, empresa da atriz, entrou com recurso pedindo a aprovação. Na época, foram captados R$ 321 mil com base na legislação. 

A reprovação do recurso foi dada na última segunda-feira, 18, pelo secretário Hélio Ferraz de Oliveira.

Pedro Bial e Regina Duarte. Foto: Reprodução.

Em maio de 2019, em entrevista para Pedro Bial na TV Globo, Regina Duarte criticou a Lei Rouanet e afirmou que a transparência é indispensável. “Com relação à Lei Rouanet, transparência é indispensável no uso do dinheiro público. Acho que o governo que usa o dinheiro da população deveria apoiar os que estão iniciando, a cultura regional, de acordo com uma legislação própria”, disse na ocasião.

Deixe sua resposta

Your email address will not be published.

Fechar AD